terça-feira, 18 de março de 2008

Micos king-kong



A muito tempo que deveria ter feito essa postagem, mas ando sem tempo para variar...um pouco se ânimo também...Cara, tem coisas que só acontecem comigo. Bem Lei de Murphy:"Não se preocupe as coisas sempre podem piorar..." O dois últimos dos meus episódios foi o fato de dormir em pleno show de Biquini Cavadão. O show estava ótimo, mas o cansaço não deixava nem os olhos ficarem aberto. Sentei e esperei o resto do pessoal se divertir porque não queria cortar o barato de ninguém. Maior do que o mico de dormir sentada ao lado da barriquinha, entre o banheiro e o posto de urgênica, foi um segurança passar por mim quase ao final do show, pôr a mão no meu rosto e perguntar se estava bem. E eu disse que sim! Aaaaaaaaaaah!O outro mico no mesmo dia, logo mais tarde foi ter passeado com meu cachorro e ao soltá-lo da colera ele pulou dentro de Açude Velho. E meu irmão pulou atrás para salvá-lo, enquanto eu parecia uma mocinha romântica a espera de um regate e falando:


- Oh! E agora o que faço?


- Tranquilo, tranquilo - meu irmão.


Será que eles quiserão se ver livre de mim?


Um anjo da guarda que passava parou para fazer o resgate.


Enquanto meu irmão imaginava o jacaré dentro do açúde, eu já estava pensando na minha mãe recebendo a notícia pela TV Paraíba ou Itararé, vendo a gente e o corpo de bombeiros...


Enfim, já quase cortei os dois pulsos numa mesa de vidro em pleno primeiro dia do mês de janeiro de um ano qualquer. Depois peguei um chuvão numa super festa e todos os táxis desapareceram porque não me querião molhada. Um ônibus para mim pode virar uma aventura. Para uns tudo fácil, já para outros...é impossível

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Queres aclarar, observar, deduzir, narrar despretenciosamene? Bem-vindo! Caso queiras apenas maliciosamente criticar, por acaso não é seu espaço, nem virtual...