sábado, 22 de março de 2008

Reinventando a Páscoa.




Não sou fanática do Islam e nem morro defendendo religião, mas não é estranho que essa data tenha um significado para além do religioso? As pessoas comem quando deveriam jejuar, bebem quando deveriam se abster, comemoram quando deveriam rezar e renunciam o perdão ou a compaixão...Enfim, o para além do religioso está justamente no como essa data tornou-se comercial. Venda de muito vinho, bacalhau, peixe,ovos de Páscoa. Como quase todas as datas festivas. Também não dá para negar que é quase impossível entrar no clima dessas festas...Mas penso: como essas celebrações em família deveriam ocorrer mais vezes. Poucas pessoas aproveitão o momento e pedem perdão umas às outras. Poucas pensam em compaixão pelo outro. Poucas pensão que a mesa farta de uns é a fome de tantos outros. A Páscoa enquanto ritual de purificação de nossas almas em plena modernidade/pós-modernidade tem muito o que ser reinventado. Que bom que eu ainda tenho amigos que me ajudam a fazer esse momento de forma um pouco diferente, pelo menos para nós...Bem tentamos ajudar o "mundo", se ele não quis...Vamos ajudar a nós mesmos e fazer nossa parte, como uma gota d'água trazida pelo sabiá na fábula do incêndio da floresta...A Páscoa para os meus dois melhores amigos foi momento de carinho, reencontro, surpresas e renovação da nossa aliança de lealdade mútua. Bem casamento: na alegria e na tristeza, na sáude e na doença... Os chocolates foram só um prestesto para reinventarmos e simbolizarmos esse ritual entre nós nesse mundo que precisa ser "reencantado" todos os dias. Que esses momentos acontençam mais vezes. A Páscoa já teve muitos significados para mim: quando crinaça de alegria, na adolescência de expectativa, já um pouco na maturidade de tristeza, solidão e até uma certa frustação. Hoje em quase plena maturidade o significado é de satisfação e uma alegria mais profunda do que a de criança. Não melhor, mas diferente de quando era criança porque eu tenho amigos com os quais posso contar e tomara que seja para sempre...Que venham muitos chocolates em todas as dastas, em todas as épocas para renovar nosso compromisso de lealdade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Queres aclarar, observar, deduzir, narrar despretenciosamene? Bem-vindo! Caso queiras apenas maliciosamente criticar, por acaso não é seu espaço, nem virtual...