quarta-feira, 8 de abril de 2009

A vida muda em um segundo


Essa postagem foi reescrita porque a original perdeu-se no mundo virtual...


"A vida muda em um segundo", é o que meu irmão siamês sempre diz...Quase sempre acho que é para apaziguar meu coração e minha alma aflitos, mas essa última semana, foi um tanto assim mesmo:Desisti de projetos que não queria desistir. Perdi pessoas ímpares. Aceitei desafios para os quais não sei se estou preparada. Sessão igual de vazio e tristeza, somente quando perdi meu primeiro vestibular e meu primeiro e grande amor.


Mas enfim, mesmo lembrando de um outro dito de mais uma pessoa especial, "Quem não é visto, não é lembrado", estratégico e inteligente por sinal, mas ao mesmo tempo perigoso, porque nos livramos da augureas, mas também das alegrias e oportunidades que podem passar desapercebidas...Prefiro ver e ser lembrada para não correr o risco de perder as alegrias, mesmo que ao final doa na pele, na carne e na alma...


Que tenha sido por um bom motivo. Que tenha sido para melhor...

2 comentários:

  1. Há tempos que eu aprendi que viver intensamente é sempre uma faca de dois gumes: ou você sofre muito, ou você é muito feliz. Eu prefiro correr o risco do que passar pela vida em brancas e calmas nuvens e, ao final dela, olhar para trás e ver que na verdade não vivi nada. Arrisque-se. Sempre.
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. "Prefiro ver e ser lembrada para não correr o risco de perder as alegrias, mesmo que ao final doa na pele, na carne e na alma..."

    Meninaaaa....tu tava inspirada nessa frase né?
    O espirito eh esse mesmo Thaisa...tomara que as mudanças que doem na alma tragam bons frutos depois. Bjo.

    ResponderExcluir

Queres aclarar, observar, deduzir, narrar despretenciosamene? Bem-vindo! Caso queiras apenas maliciosamente criticar, por acaso não é seu espaço, nem virtual...