sábado, 24 de abril de 2010

O que você faria se só te restasse esse dia?Se o mundo fosse acabar?




O título dessa postagem é o refrão de uma música de Paulinho Moska, mas comecei a pensar nisso hoje depois que colocaram a par de um dilema ético: "Se estivesse com uma doença grave e não soubesse se iria superá-la ou não e liberasse meu parceiro (marido/esposa) de continuar comigo, posto que antes da constatação do fato a relação já estava declinando, com ameaça de separação, traição e tudo, o que fazer: sair ou ficar?

Caramba eu respondi que não saberia...Mas o que eu faria se me restasse um dia, a primeira coisa que pensei de estalo foi comer sem culpa, o quanto quisesse e pudesse. Aí depois pensei: "Poxa! Pensamento de gordinha mesmo né? Gastar meu último último dia "morrendo pela boca feito peixe". Então, pensei: "Ficaria com alguém bem especial". Em seguida pensei, mas "quem"? Daí o quem veio na minha cabeça:"minha família". Fazer o que? Talvez minha imaginação seja limitada...Acho que seria isso se somente me restasse esse dia.Ficaríamos juntos e riríamos o quanto pudéssemos...E o seu? O que você faria de seu último dia?

[abre logo o parênteses]
meu irmão me indicou para o TOP BLOG 2o1o. Eu indiquei outros também. E já ganhei uma mala, mas chique do que eu da minha lista de aniversário. É quase uma "mala gente". Ela chega nos cantos primeiro do que eu. Aff! Fechando...Como diz minha amiga Vivi parece Jackeline Kenedy indo buscar o marido no aeroporto rssss.
[fecha parênteses]

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Queres aclarar, observar, deduzir, narrar despretenciosamene? Bem-vindo! Caso queiras apenas maliciosamente criticar, por acaso não é seu espaço, nem virtual...