sábado, 12 de junho de 2010

Namorar, namorados ou se namorar?

Imagine depois do título coraçãozinhos flutuando no ar...Bem, como algumas passei por várias fases do dia dos namorados:
  1. SOLTEÍRISSE CONGÊNITA - pode ser aquela fase da adolescência na qual todo mundo fica trocando presentes no dia dos namorados e você não querendo ter apenas um namorado, mas principalmente tê-lo proximo ao dias dos namorados para trocar presentes, beijinhos e lembracinhas no dia. E ainda sair se exibindo:"Foi meu namorado que me deu..." Ai, ai! Quando nessa idade as meninas que não tem namorado profetizam para si mesmas: "SOCORRO! não quero virar titia.". Nem sabemos nós que a vida está só começando;
  2. SOLTEIRÍSSE POLITIZADA- é aquela em que você põe na cabeça que essa é apenas uma data comercial. Se mune de todos os argumentos de que isso é mais uma tática do capitalismo avassalador e estuprante, como tantas outras, para que se comercialize mais. Afinal todo dia pode ser dia dos namorados. Daí você foge de todos os corações e faz discursos quando vê-los por todos os lugares e propagandas;
  3. SOLTEIRÍSSE DE AGOURO QUEBRADO - é aquela na qual você finalmente quebra o seu "agouro" e entra no clima do dia. Beijinhos, presentes, planos, jantarzinho a luz de velas, expectativas, a busca da perfeição...Você até esquece que já passou pelas outras fases, ora! O sorriso é do tipo de canto-a-canto do rosto. Detalhe: na hora do presente nada de perfume para o amor não acabar e sempre pensando em algo para "amarrar" como um cinto e tal...Crendices populares afinal se não fizer bem, mal tam´bem não vai fazer;
  4. SOLTEIRÍSSE COMPULSÓRIA - você não quis e nem quer, mas está solteira. Daí no dia dos namorados ou você sai a caça dizendo para si "E daí? Se não me quer tem quem queira! Ou então, fica cortindo a fossa do dia vendo todos os casais arrulhando em todos os lugares que você vai e lembrando daquele dia...Proximo do São Jão então, só resta encher a cara de quentão ou ocupar a boca com uma maçã. E logo do amor? ???E em alguns momentos você está acometido de carência, noutros de raiva, querendo matar qulaquer casal que esteja se beijando na sua frente. Enfim...
  5. SOLTEIRÍSSE CABEÇA - é aquela na qual você já passou por todas essas fases e sem a menor tristeza fala para si: "Sai de mim que esse corpo não te pertence. Canta pra subir". Daí sai para comprar um presente para você mesma. Se sente linda e maravilhosa. E se pintar algum gatinho na área, mesmo que não seja "o namorado", quem sabe numa realidade paralela, você aproveita até a última gota, o último instante, porque tudo na vida, plagiando nosso poeta Vinícius de Morais, deve ser eterno enquanto dure...Como na música abaixo, te amo até o FIM! Qual o fim? qualquer um, que seja belo, incerto, depende de como a gente vê, né não?...A dica da música veio do "BU"

2 comentários:

  1. Essa semana, voltando pra casa de ônibus, passei por duas moças sentadas num banco. A primeira perguntou se a segunda já tinha comprado o presente do namorado, ao que ela respondeu, quase num fio de voz: "eu não tenho namorado".

    E eu segui pra casa pensando que dos meus 13 anos pra cá, ou seja, lá se vão 20 anos, eu nunca passei dia dos namorados sozinha... Estivesse com um cara fixo há mais tempo, ou com um paquerinha de poucas semanas ou meses. Então eu, realmente, não consegui identificar qualquer uma das fases acima kkkkk

    isso é bom, ou ruim?

    Beijo

    ResponderExcluir
  2. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk... essa postagem foi tudo que ha. Ah Muleque! (dancinha).
    Essa menina, tá parecendo a Própria Marta Medeiros. Bafana-bafana!

    E Jady, ai em cima. Que isso hein?
    A pessoa com certeza deve achar isso ótimo, todos os dias acompanhadas. É tudo!


    < Nhânhâ > Pro'cê! (kkkkkk....')

    ResponderExcluir

Queres aclarar, observar, deduzir, narrar despretenciosamene? Bem-vindo! Caso queiras apenas maliciosamente criticar, por acaso não é seu espaço, nem virtual...